» Uma Linda Mulher

(Nota: 9,0)
Título Original: Pretty Woman
Gênero: Comédia Romântica
Diretor(es): Garry Marshall
Roteiristas: J.F. Lawton.
Ano de Lançamento: 1990.
Elenco: Richard Gere, Julia Roberts, Ralph Bellamy, Jason Alexander, Laura San Giacomo, Alex Hyde-White, Amy Yasbeck.
Duração: 119 minutos.
Trailer: Clique Aqui!

Tudo bem, pode ficar boquiaberto. Eu sei, como é que alguém nunca viu uma Linda Mulher? Ah, isso não é uma segunda vez que estou vendo não viu? Foi a primeira vez que pude conferir este filme que fez e faz tanto sucesso no mundo da Comédia Romântica. Um filme que conquistou tantos fãs para Julia Roberts e que fez as pessoas se divertirem, se emocionarem e torcerem pelo casal nada comum da tela. Os filmes dela nunca estiveram no meu foco, apesar de quase sempre gostar de seus trabalhos. Ainda falta Noiva em Fuga.

Apesar de todos saberem a história (eu já sabia antes mesmo de ver). Vivian Ward (Julia Roberts – Jogos do Poder) é uma prostituta que “trabalha” no Hollywood Boulevard. Edward Lewis (Richard Gere – Não Estou Lá) é um magnata que está perdido e que para o carro próximo ao Hollywood e pede ajuda a Vivian. Acaba por contratá-la para ficar com ele por uma semana em compromissos sociais, e os dois começam a se envolver de uma maneira que irá mudar para sempre a vida de cada um.

É engraçado como esse filme tem um ambiente sempre apropriado para deixar o seu espectador curioso para saber o que acontece adiante, mas sem aquela ansiedade que é normal pra quem curte um filme bom. Os detalhes são poucos, mas nos faz compreender qual o sentido em cada movimento que os personagens fazem, mas sem qualquer propósito de mostrar que seja um filme complexo em que o raciocínio seja necessário sempre. Talvez seja justamente nesse caso que o está o fator agradável do longa.

O que seria uma possível Julia Roberts bem inexperiente com a profissão de atriz no seu segundo filme da carreira, na verdade nos mostra que ela nasceu para isso e que o filme a fez muito bem. A sua espontaneidade no longa, nos mostra o quanto ela pode ser engraçada nos momentos que deve mas também ter sua carga dramática. Richard Gere não é dos melhores, mas também não atrapalha o andamento do filme. O fato é que o roteiro é muito enxuto e trata de pontos essenciais para o envolvimento de quem assiste.

A trilha sonora é tão boa que deixou marcada para todo mundo que assistiu ao filme, basta escutar a musica para que todos liguem imediatamente ao filme e olhe que nem é preciso saber inglês para compreender.  Acho que posso afirmar que foi a melhor comédia romântica que já vi, mesmo assim, aceito recomendações para outros filmes que sejam tão bons quanto esse.

Anúncios

16 Respostas

  1. Um filme marcante. Um belo roteiro que cativa qualquer um. Muito bom!

  2. UMA DELICIOSA HISTÓRIA QUE PROVA QUE O AMOR É UM SENTIMENTO CAPAZ DE ATINGIR QUALQUER SER HUMANO (QUALQUER SER HUMANO MESMO), GOSTARIA TAMBÉM DE LOUVAR OUTROS DOIS PERSONAGENS: O GERENTE DO HOTEL E O HILÁRIO GUARDA DO ELEVADOR.

    ABRAÇOS

  3. Anderson,

    É verdade, é cativante.

    Brenno,

    Cada momento do filme foi bem trabalhado, e tem uma história que sabe mexer de todas as formas. Pode-se dizer que talvez seja uma das melhores comédias românticas já feitas pelo cinema Hollywoodiano.

    Abraços!

  4. O famoso filme que transformou Julia Roberts em estrela! Gosto muito – mais por Julia e menos por Richard. E Marshall nunca mais acertou em cheio como aqui! Abraço!

  5. Gosto desse filme, apesar de que, se for ver hoje terá muitos clichês, muito burracos! Mas é muito bom – Nota: 8,0

  6. Louis,

    Não nada de excelente no trabalho de Gere, como disse, mas também não acredito que ele atrapalhe o propósito do filme. É fato, Marshall nunca mais acertou.

    Cleber,

    Os clichês não inevitáveis, mas pode-se dizer que muito do que hoje é dito como clichê, talvez não fosse no tempo do filme!

    Abraços!

  7. Ih, Robson, não se preocupe, porque eu nunca assisti. hehehehe Não inteiro, só vi algumas partes – mas conheço a música, claro. O Gere meio que me irrita bastante. Acho que ficarei sem vê-lo mesmo.

    Uma comédia romântica que gosto bastante é A Princesa e o Plebeu. Recomendo esse. []s!

  8. Este é um adorável filme. O melhor feito da parceria Gere-Roberts. Um clássico, na verdade.

    Nota 8.5 [****]

    Ciao!

  9. Jeff,

    Pow rapá, mesmo não gostando de Gere, vale a pena por Julia Roberts, que está excelente no filme.

    Wally,

    Chega a ser um clássico mesmo, dos bons. É um ótimo filme!

    Abraços!

  10. Delicia de filme que se torna um clássico dos anos 90, principalmente por conseguir fazer de uma música uma representação para lembrar-mos dele.

    Abraços!

  11. Este é aquele tipo de filme que TODA vez que eu vejo passando na TV, eu assisto! AMOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!

  12. A Julia está tão bem nesse filme que consegue eclipsar a chatice do Richard Gere. Tenho em vhs, já passou da hora de atualizar para dvd!

  13. Alyson,

    Num deixa de ser clássico, impossível não gostar.

    Kamila,

    sem dúvidas, viva a sessão da tarde! hehehe

    Pedro,

    É bom atualizar de vez em quando! hehehe

    Abraços!

  14. Apesar de muitos considerarem “Uma Linha Mulher” um tanto brega, acho que é uma das melhores comédias românticas que já vi. Sempre que possível pego uma reprise, incrível como nunca cansa.

  15. Viinicius,

    Uma Linda Mulher tá no hall dos filmes que passam milhares de vezes na tv e nunca se cansa de ver… assim como um princípe em Nova York… hehehe

  16. Aaah! Eu nem preciso comentar. Preciso, Robinho? Preciso? Hehehe! Um dos meus filmes preferidos, sem dúvida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: