» Te Amarei Para Sempre

(Nota: 9,0)
Título Original: The Time Traveler’s Wife
Gênero: Romance
Diretor(es): Robert Schwentke.
Roteiristas: Bruce Joel Rubin, baseado em livro de Audrey Niffenegger.
Ano de Lançamento: 2009.
Elenco: Michelle Nolden, Alex Ferris, Arliss Howard, Eric Bana, Katherine Trowell, Bart Bedford, Esther Jun, Matt Birman, Craig Snoyer, Rachel McAdams, Carly Street.
Duração: 107 minutos.

Confesso que não esperava muito desse filme. Na verdade, nem sequer iria vê-lo no cinema, achei que esperá-lo para conferir em DVD seria a melhor pedida. Mas ele foi surpreendente bem aceito pela crítica, foi elogiado de maneira incrível e isso, é claro, me deixou muitíssimo curioso para ver o porquê. Quando começou a passar enxerguei que podia ser somente mais um filme que pretendia fazer uma espécie de mistura entre A Casa do Lago e Efeito Borboleta e depois ainda vi que tinha algo de O Curioso Caso de Benjamin Button, mas por fim notei que ele começava a tomar característica própria.

Henry DeTamble (Eric BanaA Outra) é um personagem nada convencional. Desde criança ele descobriu que não era igual às outras demais e que tinha um distúrbio genético que o fazia viajar invariavelmente pelo tempo, sem qualquer controle. Nos dias ‘normais’ conheceu Clare Abshire (Rachel McAdams), uma linda e sonhadora mulher. Em função das suas viagens, Clare o conhece desde pequena e ele sempre aparecia para ela. Porém, existem diversas desvantagens em razão desse distúrbio e os personagens terão que lidar com isso a todo instante.

Se disser que não há clichê estaria mentindo. No entanto sendo bem trabalhado o filme toma uma boa proporção. Creio que não seja fácil criar um roteiro desses em que haja tantas idas e vindas, ainda mais quando se trata de uma adaptação de um livro. Tudo foi bem trabalhado, como os momentos de comédia por exemplo. Também os momentos em que a seriedade é fundamental. Os momentos em que é a emoção que fala mais alto. Esse longa tem seus pontos altos e creio que as atuações, mesmo não sendo magníficas, mostra que foram bastante válidas até porque a química entre o casal foi firme.

A trilha sonora não é muito presente e isso nos mostra um outro lado, mostra que é possível fazer emocionar sem uma trilha forte de fundo,  assim como é possível rir sem ser apelativo e além de ser possível achar o filme agradável sem ser forçoso. A direção está de parabéns, já que o filme tem uma história que conseguiu ser original ainda que lançada depois de tantos semelhantes e que conquistou o espectador ao final da sessão. Não tem coisa mais interessante e curiosa do que escutar as pessoas, mulheres em sua maioria, enxugando as lágrimas nos créditos finais. Vale a pena.

Anúncios

7 Respostas

  1. é um filme que agrada aos românticos, e quem em alguns momentos emociona bastante. Mesmo com essa trama tão fantasiosa e até um pouco clichê, ao chegar no final nós vemos que valeu a pena o ingresso.

  2. Eu sou romântica demais e achei esse filme lindo porque, justamente, ele se centrou na história de amor, ao invés de ficar falando sobre a capacidade do personagem principal de viajar no tempo. Além disso, temos Rachel McAdams e Eric Bana numa excelente química!

  3. Gosto deste tipos de filme, e claro que tenho curiosidade em vê-lo. rsrsrsrsrs. Acho que todos nós temos um lado romântico, rsrs. 😉

  4. Galvão,

    Pelo que li no seu blog, ficou evidente que gostei mais do que você apesar de acreditar que ficou evidente que você não quis se envolver tanto… haha

    Kamila,

    Eu não sou um grossão não, romance não faz mal a ninguém e esse foco que falou é relevante, o romanece foi o tema principal.

    Mayara,

    Assista, irá gostar!

    Abraços!

  5. Eu sou muito romântica e é fácil que eu goste desse tipo de filme, mas, estranhamente, Te Amarei para Sempre não me agradou tanto. Em momento algum eu acreditei no amor dos dois, em parte em função da trama circular, mas principalmente porque foi algo muito de repente da parte dele. O filme não conseguiu me envolver e, ao contrário do que acha Kamila, que comentou acima, não vi química nenhuma entre Eric Bana e Rachel McAdams. Infelizmente, eu saí do cinema sem sentir absolutamente nada, e a indeferença é algo que julgo péssimo. De qualquer forma, daria 3 estrelas e meia pelos aspectos técnicos, pois o filme é bonito e bem cuidado.

  6. Vi você no blog da Kamila, na postagem desse filme e resolvi conferir. Gostei muito do seu post e confesso que achei ainda mais bacana o filme lendo o seu texto.

  7. Queria ter visto no fim de semana, mas perdi a sessão…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: