» A Saga Crepúsculo: Eclipse

(Nota: 6,5)
Título Original: The Twilight Saga: Eclipse
Gênero: Romance
Diretor(es): David Slade
Roteiristas: Melissa Rosenberg, Stephenie Meyer.
Ano de Lançamento: 2010.
Elenco: Kristen Stewart, Robert Pattinson, Taylor Lautner, Xavier Samuel, Bryce Dallas Howard, Anna Kendrick, Michael Welch, Christian Serratos, Jackson RathboneAshley Greene, Paul Jarrett.
Duração: 124 minutos.

Vários são os fatores que determinam o verdadeiro sucesso de uma saga de filmes, principalmente aquele que surgiram de livros, isso porque a literatura geralmente faz o sucesso pra depois vir os filmes. Essa saga Crepúsculo sai quase que no mesmo caminho, porém existe uma grande diferença entre ela e uma saga como O Senhor dos Anéis e Harry Potter. A história em que vampiros e lobisomens são protagonistas não consegue ter um sustentáculo satisfatório para que realmente convença de que faz valer a leitura e também assistir aos seus filmes, a leitura é fraca e digna de uma literatura um tanto infantil mal escrita e nada de realmente interessante consegue se passar ao longo dos quatro livros, e tenho propriedade pra falar já que eu li todos.

Bella Swan (Kristen StewartNa Natureza Selvagem) agora está realmente de volta ao seu namorado, o vampiro Edward Cullen (Robert Pattinson- Lua Nova), decidindo inclusive a data de sua transformação que será posterior ao casamento deles, por insistência do vampiro. O lobisomem Jacob Black (Taylor Lautner Lua Nova) continua apaixonado pela garota que depois de certo tempo percebe sentir algo por ele, ainda que não maior que o que sente pelo vampiro. Tudo parece tranqüilo, quando eles percebem a volta de Victoria (Bryce Dallas Howard – A Vila) que tem como maior objetivo vingar a morte de seu parceiro James, que foi destruído no primeiro filme/livro da saga, Crepúsculo. Um exército de recém-criados está sendo formado para construir essa vingança, porém eles não esperavam que o clã dos Cullen contasse com a ajuda dos lobisomens.

Se eu disser que não gostei do primeiro filme estaria mentindo, porque achei que a história era até interessante e que podia desencadear numa trama realmente envolvente e permitindo, talvez, muita aventura. No entanto, ao conferir os livros notei que a saga não consegue manter um ritmo conveniente que nos faça compreender o sucesso que causa. O fato é que todo o ‘alvoroço’ se dá em função de garotas adolescentes que vêem nesse romance, um amor perfeito. Porém, o que podemos enxergar é somente uma saga em que predomina a infantilidade e também, porque não, o machismo. Nada que defina com clareza a importância de alimentar o amor entre os protagonistas, chegando a ser irritante esse casal.

As atuações definitivamente só escoram ainda mais nas enormes falhas do roteiro, o qual, ainda assim, consegue ser um pouco melhor que os demais, inclusive o do filme que virá, somente porque a história tem uma ação interessante, focada na guerra dos recém-criados. No entanto, esse fato não foi tão bem focalizado e o roteiro acabou diminuindo mais ainda a suposta importância que teria para alavancar um bom filme, pelo menos um que realmente fizesse valer a pena conferir, de todos. Algumas poucas coisas são positivas no longa e, por isso, a nota não é tão baixa.

As histórias que são relatadas na película primeiramente pelos indígenas, depois pelos integrantes dos Cullen, Jasper (Jackson Rathbone) e Rosalie (Nikki Reed), acabam surtindo algum efeito imaginativo que só era permitido ver nos livros, as histórias devidamente retratadas deram um ar melhor, porém só nos momento em que foram contadas. Lautner é o que menos consegue mostrar artificialidade do trio protagonista, sendo, portanto uma das atuações “menos ruins”. Bryce é a que consegue fazer um pouco melhor, porém seu personagem também não ofereceu muita chance para uma evolução. O filme é fraco, a história poderia ser melhor e definitivamente não agrada ao menos aqueles que tentam enxergar isso como cinema.

13 Respostas

  1. Maaanoooloooo

    É bom ser verdadeiro … diferente de Daybreakers e Deixa Ela Entrar, filmes que tem temas interessantes que conseguem ser mais sedutores do que sua trama vampiresca, a saga crepusculo é só apenas um veiculo pobre e falho de retomar de uma maneira porca o romantismo perdido.

    E pior ainda que tentei ver o primeiro filme e desisti pela sua fraca qualidade e condução duvidosa …

    Agora o que não desce é em saber que David Slade que vez um dos filmes mais sanguiolentos de vampiros faz isso? COMO??? HOW???

    Abraços capo!

  2. […] This post was mentioned on Twitter by Robitss, Robitss and others. Robitss said: RT @sociedadebbc: Portal Cine: » A Saga Crepúsculo: Eclipse http://bit.ly/aHyVk0 […]

  3. Concordo com tudo o que foi falado aqui. Saí do cinema com um ar de “Ahn, e aí? Era só isso?!”. O primeiro filme, assim como o segundo, foi muito melhor. E não MUITO no sentido de ótimo, mas no sentido de “Tudo bem, foi legal!”. Acredito que a saga esteja fazendo esse sucesso enorme justamente por esse romance inocente e intenso, típico romance adolescente. E também, na película, por ter atores bonitões que arrancam suspiros de adolescentes que não têm o que fazer. Resumindo: o filme foi muito fraco pras minhas expectativas. Foi legal, mas esperava mais. É isso. Parabéns pela crítica.

  4. Até que gostei do primeiro filme e nem tanto do segundo, mas para esse não tenho expectativa alguma (até mesmo com as filas gigantescas nos cinemas).

  5. Cansei de expor os pontos positivos, como também me cansa todo mundo escrever basicamente o mesmo texto evidenciando o “quão ruim é o filme”.

    Bom, gosto é gosto, tenho que dizer que discordo abruptalmente de seu texto opinativo.

    Abraço!

  6. O 5.0 que você deu para “Chéri” você deveria ter dado para esse, que já é forte candidato a um dos piores filmes do ano!

  7. tsc … acho que minha irmã escreve melhor que a autora, dialogos horriveis, for love of god!

  8. Eu adoro o livro “Eclipse”, mas acho que a adaptação cinematográfica deixou muito a desejar. Eles só acertaram mesmo no retrato do triângulo amoroso entre Bella, Jacob e Edward.

  9. Eu escrevo melhor do que a autora dessa saga. Os filmes são ruins, os atores são ruins e o pior, são antipáticos e estrelinhas demais. Parece que dão entrevista e tiram fotos a força.

    Quer fazer troca de links?!

  10. Parei no primeiro, achei péssimo. E pelo visto não estou perdendo nada né? Aliás, esse material de divulgação do filme é horroroso! Digno dos longas.

    []s!

  11. Sem nenhuma expectativa para ver. Até porque eu comecei a ler o 3º livro e desisti. Achei chatíssimo. O pessoal diz que é o melhor mas não deu pra mim. O segundo livro foi o que eu realmente gostei. O filme pode ter o roteiro o mais hiper mega super, whatever, se não tem boas atuações, não funciona! E os atores dessa saga (?) são péssimos! ¬¬

  12. Rrsrsrsrs. Concordo plenamente. É um filme que aparentemente deveria trazer algo de novo, mas fica no mesmo e – para mim – começou a enjooar logo cedo. Acho que é por causa dos anteriores que são bem parecidos. Sei lá. Não me convence.

  13. As filas estão enormes, vou esperar diminuir para assistir, já que acho “Eclipse” o melhor dos livros. rsrs. 😉

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: