» O Profeta

(Nota: 8,5)
Título Original: Un prophète
Gênero: Drama
Diretor(es): Jacques Audiard
Roteiristas: Thomas Bidegain, Jacques Audiard, Abdel Raouf Dafri, Nicolas Peufaillit.
Ano de Lançamento: 2009.
Elenco: Tahar Rahim, Niels Arestrup, Adel Bencherif, Hichem Yacoubi, Reda Kateb, Jean-Philippe Ricci, Gilles Cohen, Antoine Basler, Leïla Bekhti.
Duração: 155 minutos.

Não é de hoje que o cinema francês conquista seus espectadores. Ainda que o cinema americano seja o maior, com o maior número de produções, temos ainda um cinema que muitos podem chamar de alternativo, mas que só vem melhorando com o passar do tempo, um cinema que nos faz emocionar, rir, torcer. São tantos os filmes e em sua maioria (ao menos os que eu confiro) o resultado é satisfatório, tanto que ultimamente minha caça está sendo em torno desta língua tão refinada.

Malik El Djebena (Tahar Rahim), como muitos que vivem na França, é um mestiço, meio árabe, meio córsico e foi condenado a seis anos de prisão. Ele é aparentemente bastante frágil, só tem 19 anos e chega a penitenciaria sem ninguém que o ‘proteja’. César Luciani (Niels Arestup) é o chefe da gangue dos córsicos na prisão e manda que o garoto faça inúmeras missões, e assim ele começa a conquistar a confiança dos que formam essa facção para que, por fim, possa colocar em breve seu plano.

Filmes sobre presos têm aos montes, sobre seus dramas, suas infelicidade se também suas canalhices. Até agora é possível pensar que esse filme não difere muito dos demais de mesmo tema, no entanto quando uma produção é bem feita, bem filmada e tem um roteiro apropriado, tudo muda. E é justamente isso que acontece, a diferença de O Profeta para os demais longas de mesma temática, é que neste é possível viver e sentir o que o protagonista sente sem que seja apelativo ao extremo.

No início deste longa vemos que a angústia é companheira fiel do personagem principal, até que ele comece a ganhar a bendita confiança dos parceiros. As atuações são excelentes e bastante condizentes com a realidade que deve ser mostrada. Um dos atrativos da película é o fato da produção ter contratado ex-prisioneiros como consultores do roteiro e não somente como atores coadjuvantes. A realidade que eles viveram lá na realidade é passada com mais veracidade na ficção. Filme digno de indicação, mesmo que tenha ficado só na indicação.

Anúncios

10 Respostas

  1. […] This post was mentioned on Twitter by EnterPLAY Filmes, Robson, Portal Cine, Robson, Portal Cine and others. Portal Cine said: O Profeta http://bit.ly/aDMfrJ […]

  2. São tantos bons comentários sobre este filme, que eu tenho que conferí-lo em breve!!

  3. Para mim esse foi um dos melhores filmes da última temporada de premiação e, na minha opinião, merecia o Oscar de filme estrangeiro. Destaque para a ótima atuação do Tahar Rahim, realmente uma bela revelação.

  4. Ficou pouco tempo nos cinemas daqui, uma pena. Quero conferir! 😉

  5. É um filme que ainda não vi, mas que estou com muita vontade de assistir. Dica de filme sobre presos: “O Expresso da Meia Noite”, de Alan Parker. Impactante!

  6. Um filme excelente, digna de figurar entre as grandes sagas do crime, a jornada de Malik é real, gradual e bem construída, apoiada em ótimos personagens e atuações.

  7. Eu gostei bastante também. Achei a sacada do fantasma espetacular. É de um lirismo e de uma violência pungentes. Filmão!

    Abs!

  8. O filme foi rotulado, quando de seu lançamento, como o Poderoso Chefão francês e merecidamente. Uma das melhores produções sobre máfia dos últimos anos. Tudo que Gomorra não teve, aqui tem de sobra!

  9. Preciso ver, tenho ele aqui, seu texto me deixou mais propicio a conferir logo o filme…boa a curiosidade do envolvimento de presos de verdade, legal saber.

    e, concordo com Fabio, O EXPRESSO DA MEIA NOITE é altamente recomendável, veja! abs

  10. Nossa, como eu gosto desse filme. Acho que virou um marco no cinema francês e daqui para frente vai melhorar ainda mais e ter repercussão mundial. Acho, até, que é o meu filme preferido de 2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: